<$BlogRSDUrl$>

19.12.04

Os Álbuns de Santos Rufino - 29: as Igrejas protestantes. 

«A Missão Suissa», em João dos Santos Rufino, Álbuns Fotográficos e Descritivos da Colónia de Moçambique, vol. III («Lourenço Marques. Aspectos da cidade, vida comercial, praia da Polana, etc.»), Lourenço Marques, 1929.



«A Igreja Wesliana», em João dos Santos Rufino, Álbuns Fotográficos e Descritivos da Colónia de Moçambique, vol. III («Lourenço Marques. Aspectos da cidade, vida comercial, praia da Polana, etc.»), Lourenço Marques, 1929.

Duas das mais importantes igrejas protestantes no Moçambique colonial tinham, contudo, esferas de influência muito diversa. A Igreja Wesliana Metodista era uma congregação que servia os muitos estrangeiros que, por essa altura, habitavam a cosmopolita Lourenço Marques («Lourenço Marques, que nos seus nove mil habitantes europeus conta gente de 26 nacionalidades…»). Já a Missão Suíça, de culto presbiteriano, era essencialmente dirigida aos africanos. Estabelecida no sul da colónia desde o início do último quartel do século XIX, foi, em algumas ocasiões, uma instância defensora dos interesses das populações africanas colonizadas. O seu papel na formação de uma pequena elite africana instruída no Sul de Moçambique não pode ser ignorado e, desde 1900, a direcção eclesiástica da Missão passou a ser integralmente assumida por africanos.

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Visitors: